23 dezembro 2005

...e um feliz natal para todas nós!


Adorei esta guirlanda. Uma mistura de tudo: um pedaço de tricô forrando, flores de feltro bordadas, miçangas costuradas, correntinhas e flores de crochê... um pouco como o Tessituras. Várias técnicas e a busca pela expressão de nossos sentimentos.

Mãos que tocam. Mãos que tecem.
São tão pequenos os gestos que geram estas emoções!

Abraçar. Presentear. Compartilhar.
Será que só é possível sonhar com um mundo melhor no natal?
Eu acredito que não. Acho que com nossos pequenos gestos podemos gerar a notícia de sentimentos mais nobres, como o amor, o ano inteiro.

Um feliz natal para todas nós e um ano novo cheeeeeeeeeeeio de agulhas, linhas, lãs, botões, tesouras, fitas, criatividade, expressão de sentimentos, cores, texturas, cheiros, sabores, saúde e realizações.

Um beijo grande para todas vocês que compartilharam as minhas mais íntimas tessituras e ENCHERAM meu coração de alegria com seus recados, suas visitas, sua presença. Até breve. Na primeira semana de janeiro estarei de volta, com receitas para o verão.

PS. Continuem respondendo a pesquisa!

22 dezembro 2005

Bolas com fios de lã


Realmente me atrasei... mas estas bolas são tão lindas que resolvi publicar mesmo assim, quase na véspera do natal. Elas são feitas de cartolina, e os detalhes são feitos colando fios de lã. Ideal para fazer com as crianças.

14 dezembro 2005

Ponto cruz

Olha que lindos estes trabalhos em ponto cruz. Foram finalistas em um concurso promovido pela Marie Claire na França. Podiam fazer concursos como este aqui no Brasil também, né? Tenho certeza que apareceriam peças tão lindas como estas... Acho que aqui no Brasil o pessoal está mais preocupado em vender linhas do que com o talento criativo de nossas queridas artistas.

12 dezembro 2005

Fala sério, Jô!


Estava eu zapeando outro dia, quando me deparo com a seguinte pérola. O Jô, entrevistando uma atriz, em certa hora se sai com esta:
_ Você também faz tricô, crochê, estas coisas de vovozinha?
Ai, Jô, fala sério! Eu acho que você anda meio... desatualizado! Basta dar uma navegada na internet para você ver a quantidade de blogs e sites de mulheres que se expressam com as mãos (dá uma olhada na lista de links aí do lado). Foi-se o tempo em que as manufaturas eram coisas de avós.
Mulher na net é um barato: troca receitas de tricô, crochê, ponto cruz, receitas de culinária. Compartilha suas aventuras e desventuras cotidianas. Mas não são só as mulheres não!
Uma amiga pegou um avião e viu um alto diretor da Sony tricotando na primeira classe. Em Nova York tem um café que é ponto de encontro de tricoteiros e tricoteiras. Cada vez mais estas "coisas de vovozinha" são mais modernas e atuais. Acredito que esta é uma grande tendência no mercado globalizado: a personalização dos objetos! Basta conferir...

PS. Coloquei uma pesquisa para conhecer melhor vocês, que lêem o Tessituras. Respondam e acompanhem os resultados!

11 dezembro 2005

Bota de botões


Adorei, difícil deve ser conseguir botões tão lindos... Será que alguém sabe aonde tem? Ah, a bota também é feita de feltro.
E Andrea, pode deixar que eu estou preparando uns trabalhos em ponto cruz para publicar que você não vai acreditar de tão lindo!

09 dezembro 2005

Rosas de guardanapo


A Faby, do Rainhas do lar (um blog super gracinha), vai dar um jantar amanhã e me pediu uma idéia para arrumar os guardanapos na mesa. Consultei meus alfarrábios e encontrei esta preciosidade. Como fazer? Vocês já sabem onde está a receita! Tessituras on line, não é o máximo?

08 dezembro 2005

Bota de árvores


Não sou muito da tradição de pendurar botas no natal e colocar doces dentro. Mas achei dois modelos de botas lindas, o primeiro é este aqui. Feita de feltro, que é super fácil de trabalhar, e com o detalhe destes botões enfeitando as árvores de natal. Adorei...

06 dezembro 2005

Cachinhos de luz


ADORO luzes de natal, aliás adoro o ano inteiro! Na minha casa, e no meu jardim, eu sempre tenho uma luzinha piscando em ocasiões especiais. Por isso eu amei esta idéia: fazer cachinhos de luz amarrando com elástico de cabelo. Fica lindo! É verdade que o fio fica mais curtinho, mas dá para colocar em janelas, guirlandas, em cima de mesa, e aonde mais você inventar.

02 dezembro 2005

Embalando os presentes


Se tem uma coisa que eu não levo jeito mesmo é para embalar presentes. Acho os papéis lindos, com estampas maravilhosas, as fitas deslumbrantes, mas sempre sobra um presente que falta embrulhar na última hora... e aí não encontro o durex, na hora de dar aquela dobrinha final sai tudo amassado. AaAiii! Foi por isso que eu AMEI esta idéia: colocar em saco de papel e fechar com máquina de costura. Não fica lindo? Quem não tem máquina de costura com pontos de bordado pode usar o zig-zag, como mostra a foto de trás. A linha é meio brilhosa e um pouco mais grossa. Acho que vou experimentar.

30 novembro 2005

Velas e vinhos


Minha querida amiga Joana, do restaurante Barreado, teve esta idéia linda e simples: velas coloridas em garrafas de vinho. Dá para notar que quanto mais o tempo passa, mais bonito fica. As velas, agente costuma encontrar em lojas de artigos religiosos (pelo menos aqui no Brasil). Os vinhos... só nos resta saboreá-los. Quantas histórias estas velas devem ter para contar...

28 novembro 2005

Carimbos de batata



É isso mesmo. Parece maluquice, mas dá só uma olhadinha no trabalho do casal de designers John Hinchcliffe e Wendy Barber com... carimbos de batata!

Esse de mangas na foto eu fiz neste fim de semana para embalar meus chutneys. Falando nisso... vocês não gostam de cozinhar não? Poxa, ninguém comentou a receita do chutney. Assim eu não publico a receita do de manga, da compota de cebola roxa com pimenta síria, do de mação com gengibre... Bjs e saudades de vocês.

24 novembro 2005

Sabores do oriente


Chutney é tudo. É a mistura do acre com o doce. Do açúcar com pimenta. Do gengibre e do cravo. Uma vez, assisti uma aula com a chef Carla Bruzzi, onde aprendi esta excelente receita de Chutney de Abacaxi, que é sucesso garantido. Um ótimo presente de natal, já que você pode colocar em potes e armazenar na geladeira. Além de ser uma delícia acompanhando o já tradicional tender da ceia de natal. E eu garanto: é muito fácil de fazer.
Depois eu publico a embalagem que eu quero fazer para presentear os meus chutneys no natal.

Não sei fazer nada com as mãos!

Detesto quando alguém se refere a arte de criar com as mãos como “trabalhos manuais”. Ei, será que agente não usa o cérebro para tecer? Não usa o coração para se inspirar? Não usa nossos instintos para escolher cores? Para perceber formas? Não calculamos pontos, não desenhamos esquemas, não reproduzimos moldes, não… pensamos? Só usamos nossas mãos?
- Não sei fazer nada com as mãos!
Nada contra. Mas é uma delícia se expressar com tecidos, lãs e linhas, cores e formas. Eu adoro tricotar, fazer crochê, bordar, costurar, pintar, plantar, cozinhar. Topo tudo, sem preconceitos. Não me restrinjo a uma arte só, procuro me relacionar com todas. Escolhendo temperos, pontos, gerando tramas, saboreando novidades, germinando sementes. Aprendendo com outras gerações, ensinando para quem quer aprender. Sempre. E assim vou construindo o meu viver. Construindo e dividindo com vocês as receitas que eu vou colhendo pela vida, aqui, no Tessituras.

11 novembro 2005

As tessituras de Sarah Maria

Vivina teve dois filhos: George e Sarah Maria. Tia Sarah é minha tia-avó, e para ela pedi uns casaquinhos, quando estava grávida de Jose. Tricoteira e crocheteira de talento, ela me presenteou com estas preciosidades, que guardo com o maior carinho.
Tia Sarah tece todos os dias. Tece e doa para quem precisa suas pequenas obras de arte. Atualmente, ela tem 85 anos de idade. Se vocês quiserem muuuuuuuito, eu vou tomar um chá com ela e pego umas receitinhas para publicar aqui. Bjs.

09 novembro 2005

Sobre mulheres e onças


Há muito tempo atrás, eu conheci um povo nas altas serras de Roraima. No Catrimaní.
Apenas pessoas, despidas de todas nós. Sem referências, só elas e a grandeza de seu espaço. Nestas serras, cobertas de florestas, vivem em suas xaponas, casas comunitárias, com seus poucos pertences. Compartilhando a vida.
Tecem fibras de palmeira que se transformam em peneiras, redes e cestos. Tecem faixas onde, entre o ombro e a cintura, carregam seus filhos. Colhem frutos e semeiam. Deixam os velhos contarem as histórias do mundo, fazem amor em silêncio, quando partem, deixam árvores para quem vai chegar. E as mulheres, desejam ser tão belas como as onças.
No Catrimaní, ví um povo de extremada beleza. E aprendi um pouco sobre a simplicidade, esta amiga que caminha o tempo todo ao nosso lado.

Ai que cheirinho bom...


Logo eu, que estou tão gripada, resolvi fazer estes sachets recheados de alfazema para dar de presente de natal. A cestinha, feita de palha de milho, é super fácil de encontrar em casas de artesanato (pelo menos aqui no Rio). Além de serem super baratinhas. O tecido é algodão cru, o aplique, de popeline e o acabamento... com o nosso amigo ponto caseado!

04 novembro 2005

Criança gosta de...


Passear, correr, pular, cantar, sorrir, dançar, desenhar, inventar, ver o mundo de pertinho, receber carinho, muito carinho, e se lambuzar. Cheirar com o nariz, sentir areia grudada no corpo, afundar no colo da mamãe e do papai, fazer festinha em bichinhos e chorar. Comer coisinhas gostosinhas, biscoitinhos, pipoquinha, brigadeiro, bolo de chocolate e purê de batata.
Mas criança gosta mesmo é de brincar. Por isso eu vou dar neste natal para as minhas crianças (filhos, afilhados, sobrinhos e adotados):
- uma caixa de lápis de cor bem grandona, toda colorida, junto com uma resma de papel, para poder desenhar à vontade sem ter que pedir mais uma folha para a professora.
- umas folhas coloridas, com envelopes coloridos, e uns selos super legais, para escrever cartas para as pessoas que a gente gosta. Pode acrescentar uns autocolantes, mas tem que escrever e enviar as cartas!
- um livro de contos de fadas bem grandão, com um monte de histórias curtinhas, para dar tempo de ler uma por noite, ao invés de ficar assistindo televisão.
- um livro de aventuras bem legal, daqueles que se dá a volta ao mundo e descobre coisas incríveis, de dar uma vontade louca de arrumar as malas e sair por aí...
- cinco saquinhos de Três Marias (lembra?) costurados em chita e recheados com arroz. Mas tem que ensinar a jogar...
- um cachecol bem quentinho, cheio de flores e um gorrinho, para quem vai viajar. E uma blusinha bem mimosa, feita de fio, porque este verão vai esquentar!
- um quilo de farinha, açúcar e manteiga fresquinha, junto com umas forminhas, para a gente cozinhar uns biscoitinhos e botar para assar. Depois é só se lambuzar!
- uma boneca bem gostosa, molinha e jeitosa, que eu mesma fiz. E também um ursinho, bem quentinho, para tomar conta do soninho.
- um agulha sem ponta, uns novelos de lã, e uma talagarça para aprender a bordar.
- uma linha e um anzol, para a gente pescar.
- uma cestinha arrumadinha, com flores e fitinhas, para guardar umas coisinhas.
- uma semente porque a gente sente que o planeta tem que melhorar. Mas tem que plantar.
- um passeio bem bonito, com direito a piquenique, para a gente conversar. Deitar na grama e olhar o céu, deixar o sol esquentar. Falar sobre o ano que passou, combinar coisas para o ano que vai chegar. Aonde eu vou melhorar?
E também vou olhar dentro do olho, dar um beijinho na bochecha e agradecer aos céus tanta beleza…

01 novembro 2005

30 outubro 2005

Costurando...


Na minha caixa de costura tem de tudo um pouco: fitas, fitilhos, passa-maria e botões. Elástico, galardão, zíper e fechos. Passo em um armarinho e sempre saio com alguma coisinha, bem baratinha, e coloco na minha caixinha. Quando canso de uma roupa, troco logo os botões. Coloco uma fita, bordo umas coisinhas. Este casaco da Lolinha ganhou uns corações, além de uma bainha em ponto caseado. Este ponto é delicioso, vou passar para vocês...

A família urso


A família urso ganhou roupa nova. Haja mão e olho para costurar tão pequenininho... Lola adorou e participou. Falou que com a minha caixa de costura eu fazia mágicas.

25 outubro 2005

Vamos combinar?


Vamos combinar que não é blog, é blogue, que não é linkar, é criar um atalho, que não é postar, é publicar, que não é deletar, é apagar? Afinal, somos 200.000.000 de pessoas que falam a língua portuguesa em nosso planeta! Vamos nos preservar!!!
Vamos combinar que já é quase dezembro, e o natal já está chegando, e que nós não vamos ser atacados por uma febre de consumo? Por causa dos anúncios na televisão, que só vão enriquecer os grandes lojistas, que repassam para suas mercadorias os custos de suas enormes fortunas, nos enganando com falsas promoções?
Vamos combinar de privilegiar as lojinhas que geram empregos em nossos bairros, em nossas pequenas cidades, com um preço um pouquinho mais caro, mas oferecendo oportunidades?
Vamos combinar que vamos comprar pelo menos um presente numa loja de artesanato popular, feito por alguém lá de longe, e que talvez só tenha esta renda para se alimentar?
Vamos combinar que outro presente a gente vai comprar de quem está começando, e ainda experimentando, formas de se expressar?
Vamos combinar que você não vai gastar todo o seu 13 salário e vai reservar um pouquinho para você descansar? Vamos combinar que você não vai estourar o limite do seu cartão e se endividar? E que você só vai dar o que você realmente quer presentear?
Vamos combinar que você vai explicar para as crianças que aquele brinquedo caríssimo logo, logo, vai perder a graça? E que existem brinquedos, que não aparecem na televisão, mas são super legais?
Vamos combinar que você vai comprar um vestido todo florido e pintar as unhas de vermelho, e se sentir a mulher mais bela na noite de natal, e que seus olhos vão brilhar? Mesmo com uns quilinhos a mais?
Vamos combinar que você vai ficar super feliz ao reunir toda a sua família, inclusive aquela tia velhinha que todo o ano todo mundo esquece de convidar? Vamos combinar que neste natal você vai telefonar para "aquele" parente, porque todo mundo pode errar e se consertar?
Vamos combinar que presente é o que a gente sente e não o quanto a gente pode gastar?
Vamos combinar?

19 outubro 2005

Tricotando... tricotando... tricotando...

Vou viajar, volto logo, publiquei o esquema do casaco do João (frente).
Já sei de uma lojinha, bem escondidinha, lá no lugar que eu vou. Só de trabalhos em crochê e tear! Pergunta se eu vou fotografar? Tomara que esteja aberta... Bjs e saudades de vocês. Semana que vem tem novidades.

17 outubro 2005

O fio da meada

Cá estou eu às voltas com os fios de minhas meadas. Tudo para ter o prazer de trabalhar com pura lã. Como é bom... Tive a sorte de ganhar um enrolador de fios, o que me ajuda bastante. Mas neste blog tem uma técnica simples e fácil de enrolar os fios de nossas meadas.

14 outubro 2005

Trabalhando...


Feriado movimentado. Pouco tempo para tudo.
E estou eu aqui, com a mesa entulhada de papéis, prazos curtos e essa arrebatadora obrigação a cumprir. Mas numa brechinha, pegando carona no trabalho, me surge Rose Marie Muraro, esta fantástica pensadora do feminino:
"Há pouco tempo, fez um exame e descobriu que suas artérias eram comprometidíssimas por causa do colesterol altíssimo. E quando perguntou ao médico se não deveria estar morta há muito por causa disso, ouviu, surpresa: "Devia, mas a senhora é uma mulher feliz e é a raiva que mata". Rose detestou a resposta. Afinal, vive dizendo que nunca foi e que não quer ser feliz. Para ela, a felicidade é burra e sua inquietação resulta em criação:
- Entender o mundo também é uma maneira de vê-lo. Concordo com Toni Morrison, que ganhou o prêmio Nobel, quando ela diz que a felicidade é a procura de uma totalidade que só acontece com as pessoas que não foram felizes. Para ela, ser feliz é muito chato e muito pouco, porque fecha o ser humano para a totalidade, que é ordem e desordem, felicidade e infelicidade. No meu caso, se eu quisesse ser feliz, não teria a vida "tão estranha" que tive, teria me acomodado na felicidade.
A inquietação de Rose Marie começou a partir do desejo de entender a realidade à sua volta e com a abertura para o desejo de criar:
- A criação foi, para mim, sempre mais satisfatória que qualquer felicidade pessoal. Só entende isso quem cria. Por isso, a vida inteira fui atraída pelo impossível. Só o impossível abre o novo. Só o impossível cria. "

E minhas tessituras, seguem me esperando.

10 outubro 2005

Por que as mulheres tecem?



Esta pergunta não me sai da cabeça. Desde que o Tessituras existiu pela primeira vez, nas páginas soltas de um caderno há muito tempo esquecido por mim. Por que as mulheres tecem?

Tecer é como compor. É abrigar. É abraçar com fios, a quem se ama. É dispor de tempo para o outro (este tão precioso tempo). Tecer é herdar de nossos antepassados, naturalmente, o que houve de melhor em nós mesmas. A capacidade de amar.

Tecer é celebrar nossos primeiros amores. Nossos primeiros filhos. Nossos primeiros netos. Nossos tão queridos enxovais, ritos de iniciação. Tecer é celebrar cada momento.

Tecer é doar de si mesma a quem vai chegar. A quem chegou. A quem partiu, há muito tempo e ainda não voltou. Mas está em nós, em nossa mais íntima tessitura.
Tecer é arrumar um vaso de flores e por baixo, colocar um paninho. Tecer é fazer uma trança no cabelo de uma menina e colocar uma flor. Tecer é bordar a fronha do travesseiro do seu filho. Tecer é agasalhar o seu neto. Tecer é amar e saber que ama.

Escrever um blog é como publicar um livro em parágrafos. Com o privilégio de poder ouvir o leitor. Participem. Escrevam. Recomendem. Senão, nós só vamos compartilhar nossas tessituras com nós mesmas.

07 outubro 2005

O xale da Tete


Tete é tricoteira de primeira. Adora tecer com lã e fio, tudo junto, o que dá um efeito bem bonito. Foi ela que me deu as agulhas de Thereza e a manta de Vivina. Quando eu pedi a receita do xale, ela me falou que a receita era orgânica, tem que ir fazendo e sentindo... Mas mesmo assim eu postei para vocês.

05 outubro 2005

Tricotando... tricotando...


E o casaco do João começa a tomar forma...
Vou tricotando no carro, depois do almoço, nas poucas horas que me restam à noite. Engraçado é perceber o tempo de uma tessitura.
João, meu filho observa:
- Mãe, você tem muita força de vontade!
Eu penso: no mundo de hoje, o tempo de uma tessitura é completamente... inesperado. Cercados de informações rápidas e horários curtos, se permitir a tecer é um privilégio para poucos. Como nós.

03 outubro 2005

A manta de dona Vivina

Etelvina é mãe de George, que é pai de Maria Thereza, que é mãe de Rosa, que é mãe da Lola. De Vivina, herdei esta manta, que ela teceu para mim quando eu nasci. Um trabalho de crochet impressionante, são centenas de rosinhas e folhinhas tecidas dia após dia, noite após noite. Do Rio Grande do Sul ao Rio de Janeiro, são 4 gerações de mulheres tecendo. Com esta manta, aqueci Lola em sua primeira noite aqui conosco. Com esta manta, aprendi um pouquinho sobre o que é amar.

30 setembro 2005

Cor e sentimento…

Você associa cores com sensações?
Elas lhe transmitem sentimentos de alegria ou tristeza?
Plenitude ou tensão?
Aconchego ou frescor?
Pense nisso e aos poucos descobrirá sua própria maneira de usar a cor para expressar o estado de espírito ou o sentimento de sua tessitura.
O que poderia ser considerado mais produtivo do que o desenvolvimento do talento e do potencial criativo de cada uma de nós?
Bom fim de semana, obrigada pelo carinho e semana que vem tem receita de xale e... mais um talento das agulhas de tricot!

27 setembro 2005

Tricotando...

Este é o meu atual projeto: um casaco para João. Estou apaixonada por retomar pontos. A inspiração veio do Mason Dixon. Aguardem.

25 setembro 2005

As agulhas de Thereza

Thereza é mãe de Nilza, que é mãe de Maria Thereza, que é mãe de Rosa, que é mãe de Lola. De Thereza, herdei um par de agulhas de madeira, número 9. Com elas, ensino a Lola seus primeiros pontos de tricot. Da cidade do Porto ao Brasil, são 5 gerações de mulheres tecendo com o mesmo par de agulhas. Isto me fez adorar usar agulhas de madeira, sempre quentinhas e com uma textura maravilhosa. Na foto, Thereza e Nilza passeando.

24 setembro 2005

Kaffe Fasset

Pensando no post da Claudia, fui à minha “biblioteca” refletir um pouco sobre a questão do gosto, que se discute. E encontrei o seguinte tesouro: Kaffe Fasset (arquiteto e pintor californiano que pelas agulhas de tricot encontrou sua forma de expressão) em Glorius Knitting:
“Todo mundo procura por uma técnica, um padrão, uma regra, uma estrutura. Exponho só o meu instinto e a minha vontade, que para mim são as minhas verdades. Sem regras, sem padrões, só o instinto e emoção. Assim eu sou feliz. A minha obra projeta a minha felicidade. A felicidade está dentro de cada um, é só colocá-la para fora. Qualquer peça feita com ela, será uma beleza.” O link está aí do lado, vale a pena conferir a obra deste artista!

23 setembro 2005

Gorro colorido

Estava com vários pedacinhos de lã sobrando, e fiz este gorro. Usei lã Paratapet e agulhas 10, porque esta lã é bem grossa. 50 pontos na agulha e vamos lá...
O gorro é todo feito em ponto tricot. Faça 22 carr (ida e volta) em tricot. Na 23a carr reduza o trabalho à metade pelo avesso. Faça mais 3 carr e finalize o trabalho, passando um fio de lã pela última carr, para poder franzir. Arremate e costure. Como meu novelo era de pedaços de fios, com uma agulha de crochet fui puxando os nozinhos para o avesso do trabalho. Depois dei o acabamento recolhendo os fios que ficaram sobrando. É rápido e fácil fazer este gorro...

13 setembro 2005

Gorro fácil 4x2

Esta receita também é super fácil, ideal para quem tá começando. É todo feito em barra 4x2 no lado direito (4 tricot, 2 meia). Usei agulhas 4,5 e lã Marrakesh.
Começa com 64 pontos:
1a. carr: (lado direito) *4 tricot, 2 meia* terminando com 4 tricot
2a.carr: (avesso) tricot
Repetir a 1a. e a 2a. até completar 20 carr ida e volta.
Redução:
Fazer mais 1 carr e reduzir pelo lado avesso à metade (fazer pontos juntos de 2 em 2). Você vai ficar com 32 pts na agulha. Pelo lado direito, fazer *2 tricot, 1 meia* terminando com 2 tricot.
Fazer 4 carr ida e volta. Na última carr antes de arrematar, passar um fio da mesma lã, com a ajuda de uma agulha, por todos os pontos, para poder puxar e fechar o gorro depois. Arrematar, costurar as laterais e puxar o fio para franzir.

09 setembro 2005

Rosinhas de tricot

Essas rosinhas são REALMENTE fáceis de fazer, e ótimas para aplicar em diversas peças. Fiz esta receita com agulha 4,5 e lã família.
Rosinhas
Coloque 20 pts na agulha (pode-se fazer uma rosa menor começando com 15 pts).
1a. e 2a. carr. - pt tricot
3a. carr. - fazer cada ponto duas vezes em tricot (é isso mesmo, faz o ponto, volta para a agulha, faz o ponto de novo)
4a. carr. - pt tricot
5a. carr. - fazer cada ponto duas vezes em tricot como na 3a. carr.
6a. carr. - arrematar
Com agulha de tapeçaria, costurar o fundo da flor enroladinha. Depois, você pode costurar a rosinha na folha.
Folhas
Esta parte eu inventei, não tinha receita. Comecei colocando três pts na agulha. Fiz frente e verso. Depois fui aumentando dois pts (um de cada lado) de duas em duas carr., até chegar a sete pts. Fiz umas 6 carr. e fui diminuindo dois pts em cada carreira até ficar com 3 pts na agulha de novo. Arrematei. A dica é você sempre fazer o pto do meio em meia para dar aquele efeito de folha de verdade!
Ai, meninas, espero que vocês tenham entendido... bjs.

08 setembro 2005

Cachecol da Gisela

Gente, olha que show o cachecol que a Gisela, amiga tricoteira do ORKUT, enviou para mim! Que bom que já temos contribuições no blog. Bjs Gisela, e parabéns!
CACHECOL PINK
Material
1 novelo fio Peluche cor 4591 (pink), ag. reta nº7
Pontos empregados: Barra 2x2 (2 tricot, 2 meia)
Receita
Colocar 20 pontos na agulha nº 7 e tricotar com o ponto frouxo, barra 2x2 fazendo o primeiro e o último ponto normalmante. Repetir até o tamanho desejado. O cachecol pode ser feito em qualquer ponto, o detalhe são as flores em tricot.Trabalhei com a agulha nº 7, pois queria que ele ficasse com o ponto bem aberto.
ROSINHAS
Material
Fio Peluche Pink, ag. Retas nº 4,5
Receita
Colocar 40 pts na ag.
1ª carr: tricotar a primeira carreira em meia.
2ª carr: arrematar 1 terço (13 ou 14 pts) dos pontos em tricot, continuar tricotando o restante dos pontos em tricot
3ª carr: tricotar em meia
4ª carr. Arrematar outro terço dos pontos em tricot, continuar tricotando o restante dos pontos em tricot
5ª carr: tricotar em meia
6ª carr: arrematar o restante dos pontos em tricot
Nota: Não importa a quantidade de pontos que se começa o trabalho, ele terá apenas estas 6 carreiras.
Depois do primeiro arremate na 2ª carr., o trabalho começa a enrolar como uma cobrinha. Não tente esticá-lo, é para ficar assim mesmo. Agora monte a rosinha costurando com o fio que sobra no começo do trabalho, ao colocar os pontos na agulha. Aplique a rosinha com o fio que sobrou ao tirar os pontos da agulha.
Quanto às rosinhas, eu gostaria de ter colocado mais pontos, pois a rosinha daria mais um voltinha e ficaria um pouco maior. Sucesso para todas.

06 setembro 2005

Cachecol que estica

É isso mesmo, você tricota a metade, estica e ganha um cachecol com o dobro do tamanho. Esta receita anda super na moda, e com razão. Vamos lá: eu fiz este com agulhas 10 e lã sedificada. Colocar 10 pontos na agulha e trabalhar todo o cachecol em meia (lado direito) e tricot (avesso):
1a. carr: meia
2a. carr: tricot
3a. carr: meia
4a. carr: tricot
5a. carr: (lado direito) fazer * 1 meia, laçada* até o fim, terminando com 1 meia.
6a. carr: (avesso) fazer em tricot, inclusive as laçadas. Teremos então 19 pontos na agulha até o final do trabalho.
7a. carr: em meia
8a. carr: em tricot
Repetir a 7a. e a 8a. carreira até atingir a metade do tamanho desejado para o cachecol: se for 60 cm, ao esticar ficará com 1 metro e 20, e assim por diante.
Quando atingir o tamanho desejado, fazer assim: pelo lado direito do trabalho, fazer *1 meia, deixar cair 1 ponto* (isto mesmo, tira o ponto da agulha e deixa cair) até o final, terminando em um ponto meia. Na verdade, você está soltando os mesmos 9 pontos que você adicionou lá em cima. Com os pontos que restaram na agulha (10 pontos) fazer 4 carreiras ida e volta e arrematar. Vá puxando todos os pontos que ficaram soltos delicadamente, e o cachecol vai esticando e dobrando de tamanho! Ah, mais uma coisa: quando aparecer alguma coisa entre **, é para repetir.

tags


Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.

Trico croche bordado agulha linha risco molde download freebie gratis artesanato ponto-cruz alinhavo alinhavinho caseado costura corte receita bordado rococo trico croche trico croche molde molde molde bordado bordado corrente correntinha linha bordado molde.